gototopgototop

Deputados Setim e Leopoldo Meyer integram frente parlamentar em defesa da RMC

meyer_colombo

Os dois deputados de São José dos Pinhais estão articulando através da frente mais recursos para SJP e demais municípios da Região Metropolitana de Curitiba

Um grupo de deputados federais da bancada paranaense criaram uma frente parlamentar para defender mais recursos para Região Metropolitana de Curitiba no Orçamento da União de 2012 e no Plano Plurianual 2012-2015.

No último orçamento, Curitiba e Região Metropolitana foram contempladas com apenas uma emenda de bancada que previa R$ 45 milhões para a Linha Verde Sul, que acabou sendo remanejada para outras obras no interior. O valor representava 5,6% do total de R$ 802 milhões destinados, de forma pulverizada, ao Estado e outras cidades, enfatizou a deputada Rosane Ferreira (PV), que está articulando a frente em defesa da RMC dentro da bancada.

O encontro realizado em Colombo foi convocado pelo presidente Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba (Assomec), o prefeito de Colombo J. Camargo, na última segunda-feira (07), e contou com a participação dos deputados Leopoldo Meyer (PSB), Luiz Carlos Setim (DEM), João Arruda (PMDB) e Rosana Ferreira (PV). O deputado Ratinho Junior (PSC), que também integra a frente, foi representado pelo chefe de gabinete João Carlos Ortega.

Para fortalecer ainda mais esta relação, o superintendente da Coordenação da Metropolitana de Curitiba (Comec) e secretário especial para a Copa 2014, Rui Hara, também esteve presente.

Os prefeitos parabenizaram a iniciativa do movimento em defesa da RMC, considerada por todos como inédita e significativa. Albanor José Ferreira Gomes, no seu terceiro mandato como prefeito de Araucária, afirmou que, “pela primeira vez é criada uma frente parlamentar com deputados federais preocupados com emenda coletiva para a região metropolitana”.

Dentre as propostas sugeridas na reunião, foram cogitados investimentos na mobilidade urbana como, a construção de marginais na BR 476 (antiga BR-116), desvio ferroviário, corredor metropolitano e melhorias no contorno Sul com a construção de viadutos, trincheiras e passarelas. Também foram sugeridos investimentos na área da saúde, educação e meio ambiente.

O deputado federal Luiz Carlos Setim está confiante com a iniciativa e está na expectativa dos projetos que as prefeituras irão enviar. “Agora está nas mãos dos prefeitos. Tentamos trazer nossa experiência na prefeitura de São José dos Pinhais para ajudar os atuais prefeitos das cidades da Região Metropolitana a preparar e escolher os projetos mais relevantes para serem apresentados e inclusos nas emendas orçamentárias. A RMC é a região mais populosa do Paraná e vive um processo acelerado de desenvolvimento. Os prefeitos precisam escolher bem as áreas de investimento para que possamos fazer nosso trabalho de articulação e destinação de recursos em Brasília”,afirma Setim.

Leopoldo Meyer, também membro da comissão especial para leis da Copa, acredita que a relevância nacional da Região Metropolitana de Curitiba deve ser motivo de mais investimento. “Constatamos que havia  poucas propostas para a RMC dentre as emendas coletivas discutidas pela bancada paranaense, por isso vamos trabalhar para que a região, por sua importância,  receba mais atenção”, explica Leopoldo Meyer.

 

 

 


Voltar